"Se não estás prevenido ante os meios de comunicação, te farão amar o opressor e odiar o oprimido" Malcom X

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Resposta oficial do Ministério da Justiça de Israel

Depois de assinar e divulgar aqui o manifesto pela libertação do ativista Ezra Nawi, recebi (acredito que todos que assinaram o manifesto também receberam), um ofício do Ministério da Justiça de Israel (clique na imagem abaixo para ampliar). No documento, oficialmente, o advogado do Ministério (Assaf Radzyner), relata as "trangressões" de Ezra e avisa que o mesmo irá a julgamento no dia 1º de julho. Dentre as acusações: "todas as semanas vai a Hebron e mobiliza palestinianos ali residentes"; "juntamente com estes palestinos, ele conscientemente entra em áreas em estreita proximidade das colônias israelitas que são fechadas pelos militares"; "provoca os locais residentes para enfrentarem a IDF (a Defesa Israelense)", e outros.


Vamos continuar divulgando, portanto, para colher mais assinaturas e tentar evitar o pior.

Postar um comentário

Feed do Substantivu Commune

Siga-nos por E-mail