"Se não estás prevenido ante os meios de comunicação, te farão amar o opressor e odiar o oprimido" Malcom X

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Cinema fundamental: "Machuca" no Rio

Para quem está ou vai estar no Rio:


“Machuca” no
Cine Clube da ABI e Casa da América Latina

Quinta-feira, 6 de agosto, às 19 horas
No 7º andar da ABI
Rua Araújo Porto Alegre 71

Chile, 1973. Gonzalo Infante (Matías Quer) e Pedro Machuca (Ariel Mateluna) são dois garotos de 11 anos que vivem em Santiago. O primeiro, numa bela casa situada num bairro de classe média. O segundo, num humilde povoado ilegal instalado a poucos metros de distância da escola. Dois mundos separados por uma muralha invisível que alguns sonham em derrubar.

Gonzalo estuda no Colégio Saint Patrick, o mais conceituado de Santiago. Gonzalo é de uma família de classe alta, morando em um bairro na área nobre da cidade com seus pais e sua irmã. O padre McEnroe (Ernesto Malbran), diretor do colégio, inspirado no governo de Salvador Allende decide implementar uma política que faça com que alunos pobres também estudem no Saint Patrick. Um deles é Pedro Machuca (Ariel Mateluna) que, assim como os demais, fica deslocado em meio aos antigos alunos da escola.

Provocado, Pedro é seguro por trás e um deles manda que Gonzalo o bata, que se recusa a fazer isto e ainda o ajuda a fugir. A partir de então nasce uma amizade entre os dois garotos, apesar do abismo de classe existente entre eles.

“Machuca”, dirigido por Andrés Wood, é uma co-produção chilena e espanhola, é mais um título de destaque na vitoriosa cinematografia latino-americano.

Título: MACHUCA – Representante do Chile no Oscar de Melhor Filme Estrangeiro
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 120 minutos


--------------------------------------------------------------------
Update do post: falando em ABI, considero o vídeo abaixo como uma das propagandas institucionais mais bem feitas que já pude assistir (pode clicar que vale a pena):




E aí, você já pensou em como uma vírgula, pode mesmo mudar tudo?

Postar um comentário

Feed do Substantivu Commune

Siga-nos por E-mail