"Se não estás prevenido ante os meios de comunicação, te farão amar o opressor e odiar o oprimido" Malcom X

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

ISRAEL NÃO SERÁ O PRIMEIRO A ATACAR


Fidel Castro Ruz

Os  ex-oficiais da CIA Phil Giraldi e Larry Johnson; W. Patrick Lang, das Forças Especiais da Agência de Inteligência da Defesa; Ray McGovern, da Agência de Inteligência da Armada e da CIA, e outros ex altos oficiais com longos anos de serviço, têm razão quando advertem Obama que o Primeiro-ministro de Israel tem projetado um ataque surpresa com a idéia de obrigar os Estados Unidos à guerra contra o Irã.
Porém, com a resolução 1929 do Conselho de Segurança das Nações Unidas, Israel conseguiu que os Estados Unidos se comprometessem a serem os primeiros em atacar.
Depois disso, Netanyahu não se atreveria a ser o primeiro em fazê-lo, visto que uma ação desse tipo o obrigaria a enfrentar todas as potências nucleares e ele não é estúpido.
Entre todos os inimigos do Irã têm-se criado uma situação absurda. A Obama não lhe restaria outra alternativa do que ordenar a morte de centenas de milhares de pessoas inocentes, e os tripulantes das suas naves de guerra nas proximidades do Irã seriam dos primeiros a morrer e ele não é um assassino.
É o que penso sem temor a estar enganado.
O pior que pode acontecer é que alguém cometesse um erro funesto que precipitasse os acontecimentos antes que vença o prazo dado pelo Conselho de Segurança para inspecionar o primeiro mercante iraniano.
Mas não há razão para ser tão pessimista.

Postar um comentário

Feed do Substantivu Commune

Siga-nos por E-mail